Questão Comentada – Interpretação de Texto – Morfologia

QUESTÃO UEFS

Um outdoor, em Salvador, veiculou uma matéria publicitária com o seguinte texto:

NEM TODO MUNDO LÊ A TRIBUNA.

TAMBÉM, VOCÊ NÃO É TODO MUNDO

Sobre o texto, pode-se afirmar:

A) O termo “Nem” amplia o sentido de “todo mundo”.
B) A expressão “todo mundo”, nas duas ocorrências, tem o mesmo sentido.
C) O artigo “a” atribui ao substantivo “Tribuna” um sentido generalizante.
D) O termo “Também” tem valor adversativo.
E) A vírgula indica a omissão de um termo.

Continue lendo

Compartilhe conhecimento...

Questão Comentada Enem – Interpretação de Texto – Tortura

QUESTÃO ENEM

Embora o Brasil seja signatário das convenções e tratados internacionais contra a tortura e tenha incorporado em seu ordenamento jurídico uma lei tipificando o crime, ele continua a ocorrer em larga escala. Mesmo que a lei que tipifica a tortura esteja vigente desde 1997, até o ano 2000 não se conhece nenhum caso de condenação de torturadores julgados em última instância, embora tenham sido registrados nesse período centenas de casos, além de numerosos outros presumíveis mas não registrados.

Disponível em: http://www.dhnet.org.br. Acesso em: 16 de junho 2010 (adaptado)

O texto destaca a questão da tortura no país, apontando que

A) a justiça brasileira, por meio de tratados e leis, tem conseguido inibir e, inclusive, extinguir a prática da tortura.
B) a existência da lei não basta como garantia de justiça para as vítimas e testemunhas dos casos de tortura.
C) as denúncias anônimas dificultam a ação da justiça, impedindo que torturadores sejam reconhecidos e identificados pelo crime cometido.
D) a falta de registro da tortura por parte das autoridades policiais, em razão do desconhecimento da tortura como crime, legitima a impunidade.
E) a justiça tem esbarrado na precária existência de jurisprudência a respeito da tortura, o que a impede de atuar nesses casos.

Continue lendo

Compartilhe conhecimento...

Questão Comentada – Interpretação de Texto – Um Pé de Milho

QUESTÃO CONSULTEC/UESB

O fragmento abaixo foi extraído da crônica Um pé de milho, de Rubem Braga.

“Detesto comparações surrealistas — mas na glória de seu crescimento, tal como o vi em uma noite de luar, o pé de milho parecia um cavalo empinado, as crinas ao vento — e em outra madrugada parecia um galo cantando.”

Sobre esse fragmento, é correto afirmar:

A) O enunciador evidencia uma contradição gerada pela sua percepção que transcende a realidade.
B) A linguagem utilizada pelo cronista caracteriza-se pelo uso predominante de termos no sentido denotativo.
C) O termo “na glória do seu crescimento” expressa uma ideia de modo.
D) Os elementos linguísticos “mas” e “e” agrupam dois enunciados, estabelecendo entre eles uma relação de oposição.
E) O elemento linguístico “tal” constitui um marcador textual que retoma “comparações”.

Continue lendo

Compartilhe conhecimento...

Questão Comentada – Figuras de Linguagem – Personificação

QUESTÃO CONSULTEC/UESB

A personificação está presente no fragmento:

A) “Mas o fato mais importante da semana aconteceu com o meu pé de milho.”
B) “Transplantei-o para o exíguo canteiro na frente da casa.”
C) “Quando estava com dois palmos veio outro amigo e afirmou que era cana.”
D) “Meu pé de milho é um belo gesto da terra.”
E) “E eu não sou mais um medíocre homem que vive atrás de uma chata máquina de escrever”

Os fragmentos acima foram extraídos da crônica Um pé de milho, de Rubem Braga.

Continue lendo

Compartilhe conhecimento...