Arcadismo

O QUE É?

O Arcadismo foi um movimento literário que se desenvolveu na Europa no século XVIII. Os artistas dessa época, influenciados pelas ideias iluministas de predomínio da razão sobre a fé e afeitos à simplicidade e à clareza, reagiam contra o movimento Barroco, promovendo um resgate do padrão clássico da arte.

SURGIU EM QUE CONTEXTO HISTÓRICO?

Este movimento resultou de um contexto histórico bastante plural. Foi influenciado pela Revolução Industrial, pelo Neoclassicismo e pelos reflexos políticos do Iluminismo.

CARACTERÍSTICAS DE CONTEÚDO

O conteúdo dos textos revela os anseios e os sentimentos da classe burguesa. O ideal de uma vida simples se contrapõe à vida luxuosa da nobreza. Os principais temas são: a visão do campo como “paraíso perdido”; o confronto entre os pares opositivos cidade/campovida sofisticada/vida rústica; a mitologia, por meio da referência a entidades e lendas; e o uso do estereótipo poético.

CARACTERÍSTICAS DE LINGUAGEM

A linguagem simples utiliza-se de formas clássicas como o soneto e o verso decassílabo, bem como de um vocabulário comum, quase sempre na ordem direta e com poucas figuras de linguagem.

PRINCIPAIS AUTORES (E OBRAS) ÁRCADES

Entre os autores líricos, destacam-se Cláudio Manuel da Costa, com “Vila Rica” e “Obras Poéticas” (1768); e Tomás Antônio Gonzaga, com o poema “Marília de Dirceu” e a sátira “Cartas Chilenas”. Os principais autores épicos foram Basílio da Gama, com a obra “Uraguai”; e Santa Rita Durão, com a lendária narrativa “Caramuru”.

Veja um exemplo de poema árcade aqui.

Compartilhe conhecimento...