Naturalismo

O QUE É?

Na Literatura, o Naturalismo tem início com a publicação do romance Thérèse Raquin (1867), de Émile Zola, e, assim como o Realismo, surge como uma reação ao Romantismo, a partir de uma produção literária mais objetiva e descritiva.

REALISMO X NATURALISMO

A rigor, não são duas escolas distintas, mas apenas correntes de uma mesma época em um mesmo contexto. Pode-se dizer que todo naturalista é, sobretudo, um realista, embora nem todo realista seja naturalista. O Naturalismo pode ser tomado como uma forma de Realismo científico.

TENDÊNCIAS DO NATURALISMO

A produção naturalista é bastante influenciada pelos estudos científicos do final do século XIX. A concepção racionalista de um mundo cujas partes poderiam ser estudadas e explicadas através de leis objetivas dá origem a uma postura artística voltada para a análise do homem como um objeto científico a ser estudado e dissecado.

CARACTERÍSTICAS PECULIARES DO NATURALISMO

– O Determinismo: o Naturalismo nos apresenta personagens como produtos do meio em que vivem e das leis da hereditariedade.

– O enfoque patológico: os autores naturalistas enfatizam as “doenças sociais”, como crime, violência, taras sexuais, incestos e vícios de caráter.

– A obra fechada: os naturalistas preferem as obras conclusas.

– O retrato das camadas populares: os naturalistas optam pelos núcleos mais pobres, em que a natureza humana animal seria mais facilmente revelada.

– O personagem coletivo: reflete o meio com maior precisão, diferente do personagem individual, típico do realismo, cuja análise pode ser contaminada pelas nuances pessoais.

AUTORES E OBRAS

Destaca-se o maranhense Aluísio de Azevedo, autor de O Mulato, obra que dá início ao Naturalismo no Brasil em 1881, e de O Cortiço, em 1890. Outro autor brasileiro de destaque é Raul Pompéia, com a obra O Ateneu. Existem ainda obras tipicamente regionalistas produzidas nessa época que incorporam traços naturalistas, como Luzia-Homem, de Domingos Olímpio e Dona Guidinha do Poço, de Manuel de Oliveira Paiva.

Confira aqui um trecho de O cortiço.

Compartilhe conhecimento...